10 MELHORES DESTINOS DO MUNDO PARA PRATICAR RAFTING

Além de ser um dos esportes mais emocionantes do mundo, a prática do rafting é um ótimo jeito de curtir a natureza com muuuita adrenalina. Você sabia que o rafting tem níveis de dificuldades? Nível 1, para os mais tranquilos e adequados para iniciantes, até o nível 5, bastante perigoso e recomendado apenas para pessoas com muita experiência.

Confira os melhores 10 destinos para fazer rafting pelo mundo, nesta lista feita pela National Geographic.

 

1-  Rios Alsek e Tatshenshini, Alasca e Canadá

Geleiras e icebergs encontram-se entre as atrações dos rios Alsek e Tatshenshini, que correm pelas paisagens magníficas e remotas de tundra e montanhas na fronteira entre o Canadá e o Alasca. Fazer rafting nas águas destes rios, com animais como ursos e alces numa das regiões mais incríveis do planeta é uma experiência inesquecível.

 

2- Rio Magpie, Canadá

No leste da província canadense do Quebec, o lago Magpie é o ponto de partida para excursões de rafting  de oito dias pelas águas do rio Magpie. A dificuldade vai crescendo conforme o rio desce, chegando a corredeiras de nível V, em belas quedas recomendadas apenas para pessoas com experiência. Durante a viagem, os aventureiros acampam em ilhas no rio, onde é possível avistar, em algumas oportunidades durante o inverno, a aurora boreal.

 

3-  Middle Fork, Estados Unidos
Afluente do rio Salmon, no estado americano de Idaho, o Middle Fork é um dos destinos mais conhecidos do planeta para a prática de rafting. Corredeiras que chegam ao nível IV e paisagens de florestas e montanhas com muita vida selvagem são os atrativos para fazer rafting no Middle Fork.

 

4- Rio Upano, Equador

A remota cidade de Macas, na Amazônia equatoriana, é o ponto de partida para fazer rafting nas águas do rio Upano. Cercado de vegetação amazônica, o rio tem corredeiras de nível III a IV, com cânions e cachoeiras no caminho.

 

5- Rio Futaleufu, Chile

Provenientes de belos lagos formados por geleiras situadas nos Andes da Patagônia chilena, as águas cristalinas do rio Futaleufu são ideais para fazer rafting entre paisagens incríveis. Alguns trechos são aptos para iniciantes, mas o rio também tem corredeiras de nível V para os mais experientes e corajosos.

 

6- Rio Johnstone, Austrália
Corredeiras de nível IV e V em meio a vulcões e florestas tropicais no Parque Nacional de Palmerston esperam os aventureiros no rio Johnstone no nordeste da Austrália. O trecho norte do rio é o mais apropriado para a prática do rafting em águas cercadas de vegetação.

 

7-   Rio Sun Kosi, Nepal
Situado na fronteira entre o Nepal e o Tibet, em meio a algumas das montanhas mais altas do planeta, o rio Sun Josi desce pela cordilheira do Himalaia para encontrar o rio Gange nas planícies abaixo. Na região do Nepal, corredeiras de nível V levam os amantes de adrenalina para se aventurar em alta velocidade entre cânions e desfiladeiros, para atingir um trecho cercado por uma densa vegetação tropical.

 

8-  Rio Çoruh, Turquia
O rio Çoruh corre entre magníficos cânions, ruínas históricas da época bizantina e belas paisagens nas montanhas de Kaçkar, no nordeste da Turquia. As águas do rio encontram-se entre as mais velozes do planeta, com corredeiras que alcançam o nível V, oferecendo muita aventura e diversão para os amantes de rafting.

 

9-  Rio Noce, Itália
Alimentado pelas geleiras dos Alpes, o rio Noce passa em meio às montanhas Dolomitas do norte da Itália. As águas do Noce encontram-se entre as mais excitantes da Europa para rafting, incluindo séries espetaculares de corredeiras de nível V que descem entre os cânions de Mostizzolo.

 

10-  Rio Zambezi, Zâmbia e Zimbábue
O cânion de Batoka, onde o Zambezi ruge e corre com 23 corredeiras num trecho de 24 km, encanta os amantes de adrenalina com as melhores águas  da África para rafting. A uma curta distância das quedas Victoria, o rio tem uma abundante vida selvagem, com a presença de animais como elefantes, girafas e muitos outros, e por isso é considerado um dos destinos para prática de  rafting mais perigosos do mundo.

 

11- MAS NÃO ERAM 10 DESTINOS?

É, pois é… acreditamos que algum estagiário da National Geographic se esqueceu de incluir Três Coroas, mais especificamente o Brasil Raft Park, então estamos nos incluindo por conta própria. O Paranhana é o rio que possibilita essa aventura, ele passa pelos municípios de Igrejinha, Parobé, Rolante, Riozinho, Taquara e Três Coroas, cidade onde o rafting acontece e onde a água é mais limpa. Paranhana vem do guarani e significa “rio que corre ligeiro”. O trajeto do BRP tem nível de dificuldade de 2 a 3 e belíssimas paisagens que a cidade verde nos proporciona. Além da diversão e estrutura única e privilegiada da nossa empresa. Duvida? Venha dar um confere aqui no parque!

_MG_2749

rodape_mail_02rodape_mail_01  rodape_mail_03