O Parque Como Você Nunca Viu

Em 18 anos, muita água rolou pelas corredeiras do Rio Paranhana. E no Brasil Raft Park não foi diferente…  Em 2003, com a compra de 10 hectares de terra, projetamos o sonho de construir nosso próprio parque e deixar a primeira base operacional da Brasil Raft no Parque das Laranjeiras. Foram muitos anos de planejamento, suor e trabalho duro. Depois de algum tempo, o sonho se tornou realidade e o parque nasceu. Separamos alguns momentos fotográficos desta caminhada para mais uma matéria especial de aniversário. Viaje no tempo com a gente…

O vale como testemunha

Ao fundo, o Vale do Paranhana observa o início da aventura.  Tratores rasgam o chão de terra e desenham o caminho. A cidade de Gramado se insinua no limite do horizonte. Ainda hoje, próximo à guarita de entrada, um bambuzal e uma fonte d´água demarcam o local onde tudo começou. Aventureiros, sejam bem-vindos!

portaria

Entrada do Parque – 2003 e 2015.

 

No meio do caminho tinha muitas pedras…

Caminho aberto, as obras se anunciam pela estrada.  Um mundo de aventuras nos espera lá… Nosso guarda-parque Renê (Tchaca, para os íntimos…) preparou uma brincadeira aos visitantes do parque. Esculpiu belos monumentos de pedra que podem ser contemplados ao longo do caminho…

foto 02

Acesso após a portaria 2003-2015.

Um parque e muitos níveis…

O relevo do parque é bastante acidentado, com altitudes que se encaixam perfeitamente em cada roteiro. Lá encima, ao fundo, dá pra ver a estrutura de base e cabos para o Canopy e a Tirolesa. Neste ponto da estrada, desceremos até o nível do Rio Paranhana onde acontecem as descidas de rafting. Curva suave à direita, contorne a cerca e vá descendo devagar para apreciar o visual…

parque01

Descida para o parque 2003-2015.

Entre que a casa é sua…

Estão vendo uma família aqui? Esta é uma história de rio, mas não de pescador…  Certo dia, um simpático pato começou a ser visto pelos instrutores de rafting. Dia após dia, o pato marcava presença em vários trechos do rio até que… resolveu adotar o parque como casa. Entrou e lá ficou. Providenciamos um açude e uma companheira para ele.  Em pouco tempo, a família cresceu e já faz parte do parque…

parque02

Local onde foi construído o açude, antes e depois da chegada do pato e família, novos integrantes do parque.

Bem-vindos à Central de Atendimento!

Em 2003, existia apenas uma trilha de chão e a exuberante Mata Atlântica ao fundo. Planejamos nossa central de forma a impactar o mínimo possível a vegetação de entorno. Hoje, um muro de taipas conduz à Central de Atendimento do Brasil Raft Park. À esquerda, banheiros e nossa sala de eventos. À direita, o restaurante e a copa.

parque03

Local onde a Central de Atendimento foi construída – 2003-2015.

Respire fundo e voe

Neste ponto, os aventureiros do Canopy e da Tirolesa iniciam o roteiro. Lá  encima, no alto, estão instaladas a estrutura de cabos e a plataforma de partida para as aventuras. Mas, para voar, é preciso encarar a subida íngreme até chegar à base. Para os que hesitaram por um segundo, fica a dica. A recompensa pelo inesquecível voo sobre o Vale do Paranhana vale muito a pena…

parque06

Acesso para os roteiros do Canopy e Tirolesa – 2003-2015.

Pausa para se refrescar

No rafting, este é o local para um refrescante banho nas águas do Paranhana. Doze anos depois, a vegetação às margens do rio mantém a mesma exuberância e cores. Já as águas do Paranhana, renovam-se a cada segundo.  Da mesma forma que não é possível entrar no mesmo rio duas vezes, você não será o mesmo após a aventura do rafting…

area_banho

Local para banho no roteiro de rafting 2003-2015.

Já imaginou surfar num rio?

Uma queda natural no leito do rio faz deste local um dos momentos mais apreciados no roteiro do rafting. Imagine você e seus amigos no bote, dançando em meio a uma onda que nunca termina… É o surf no Paranhana. E, ainda, de quebra, sua família ou amigos vão assistir a cena de camarote.

surf

Local do surf no roteiro do rafting – 2003-2015.

Gostou? Então experimente os roteiros de aventura da Brasil Raft Park: rafting, canopy, tirolesa, kayak, quadriciclo, paintball, arco e flecha. Venha passar um dia no parque. Vem pra aventura!